DE VOLTA AO COMEÇO.



Mais ou menos assim: o amigo do Jacó Barata e assemelhados meliantes, juntou-se ao causídico de sindicato e ao leva-na-flauta que pegou a boquinha porque sua mulher era amiga de Dona Marisa. Daí veio Belzebu e conspurcou a consciência dos radicais da jurisprudência. Esses, como se sabe, possuem a missão oculta de explodir o país com o álibi fajuto da “Letra da Lei”. A vaidade é tanta que conseguem mellar até bingo em paróquia de comunidade. Ainda bem que a dupla Carmem e Rosa Fogareiro não vestem Prada. Afinaram as oitavas e entregaram letra e música dignas de um festival sertanejo. Deu certo.

Caetés gerou o ovo da serpente. E ela tem nove dedos. Reza a lenda que teve que decepar um deles em troca de uma vida de privilégios. Seus sequazes estão todos presos. E nossa piscina continua cheia de ratos.
007 tinha licença para matar. Nove Dedos achava que tinha salvo-conduto eterno para delinquir. Não haverá embargos dos embargos dos embargos que dê jeito neste Zimbábue em que nos tornamos com o beneplácito majoritário de nós mesmos.

 Lá fora espocam fogos de artifício. Leio que tem até micareta na Paulista. Não se deve se regozijar com a tragédia alheia. Mas, Lula na prisão é muito mais que um meme. Queremos mais. Muito mais! Em outubro não reeleja ninguém. 

Em tempo: A CCJ - Comissão de Constituição e Justiça já tem relatoria para colocar em pauta a votação do texto que torna automática a prisão de condenados em segunda instância. O texto é do senador Cássio Cunha Lima (PSDB/PB). O relator é o senador Ricardo Resende Ferraço (PSDB/ES). Virando lei, acaba esta ridícula briga de comadres que vestem toga e não conseguem mais ocultar sua parcialidade ideológica. Precisamos pressionar os congressistas.

posts parecidos

Política

Conectividade de A-Z

O CANAL PARA FALAR DA CONEXÃO HUMANA.

Aqui você tem voz. Pode contribuir, sugerir, criticar, propor temas, discutir e ampliar o escopo do Blog. Nossa conexão poderá fazer a diferença.