O ESPÍRITO DA LAVA-JATO.

Um leitor contou a este Blog uma história escabrosa. Segundo ele, a Secretaria da Educação de uma das cidades da região metropolitana de Curitiba  frauda sistematicamente a merenda escolar na cidade.

A coisa funciona assim. A licitação é feita aparentemente dentro da lei. O fornecimento, entre outras coisas, prevê carne para o almoço e bolachas recheadas para o lanche. As crianças ,no entanto, jamais sentiram o cheiro desses produtos.

A carne ao chegar é devidamente fatiada e distribuída em cotas para pessoas da própria Secretaria e também para diretores de escolas que participam do conluio. O mesmo acontece com os demais produtos. Ficam para as crianças macarrão de segunda e balinhas de terceira categoria. 

O prefeito da cidade é do PT mas, claro, poderia ser de qualquer outro partido.Pergunto por que o esquema não é denunciado. A resposta: medo de retaliações e sensação de impotência frente  aos pandilheiros fortemente enraizados na administração local.

Hoje, leio na imprensa que a cidade de Russas-CE passa por algo semelhante. Lá o Ministério Público do Estado do Ceará deflagrou a operação “Hora do Lanche”. O esquema é velho conhecido desde a poderosa Odebrecht até o botequim da esquina. Fraude em licitações, falsificação de documentos públicos e, claro, superfaturamento.

 A Secretária da Educação Morlândia de Holanda Chaves, sua cunhada e responsável pela administração da merenda Cheria Cristina Costa Monteiro e o proprietário da empresa N.R. de Lima Natanael Rodrigues de Lima foram presos. O prefeito de Russas é Weber Araújo do PRB.

Na paupérrima cidade de Bom Jardim-MA as crianças têm aula em choupanas destroçadas. A prefeita desta cidade é a prova de que não há limites para a cobiça e maldade humanas.

 Lidiane Leite/PRB conseguiu desviar a incalculável fortuna (para os padrões de pobreza do município) de 15 milhões de Reais. O dinheiro todo veio da apropriação criminosa das verbas de educação do município. Lidiane, também conhecida como Lady Day, já fora afastada do cargo por três vezes por corrupção. Ela se encontra foragida. A Polícia Federal está em seu encalço.

Cidades de todo o país sofrem nas mãos de salteadores que se fazem passar por políticos. Todos sabem, e o que é pior, convivem passivamente há séculos, com todo o tipo de velhacaria que tem se tornado a regra de comportamento de Norte a Sul  sem qualquer vislumbre de punição.

Há mudanças no horizonte. O espírito da Lava Jato parece finalmente disposto a incorporar aonde antes só existiam promotores e agentes federais vacilantes.

Ontem, a TV nos mostrou um enojante espetáculo. Marcelo Odebrecht, um dos mais poderosos empresários do país preso em Curitiba pela operação Lava-Jato, declara com a desfaçatez dos amorais que em sua família o crime é menos sujeito a punições do que a sua delação.

Mais revoltante foi assistir o deputado Altineu Côrtes-PR/RJ tecer loas ao presidiário declarando-se seu fã incondicional a partir referências elogiosas supostamente ouvidas por funcionários do empresário pichelingue (sim, o termo existe e significa “aquele que rouba”).


Enquanto isso, em Vanalândia, tudo pode acontecer, inclusive nada!


posts parecidos

Política

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o desenvolvimento deste Blog. Desde já obrigado!

Conectividade de A-Z

O CANAL PARA FALAR DA CONEXÃO HUMANA.

Aqui você tem voz. Pode contribuir, sugerir, criticar, propor temas, discutir e ampliar o escopo do Blog. Nossa conexão poderá fazer a diferença.