LE DUELA A QUIEN LE DUELA. HABRÁ COPA!


Estou em São Paulo. Motorista de táxi como todos sabemos é uma das melhores pesquisas de opinião disponíveis. O que me trouxe para o hotel fez um bem elaborado discurso sobre a atual situação do país. Como 49% da população ele também é contra a Copa do Mundo. Disse que esta Copa é o enterro político do Lula. “Foi ele quem quis esta Copa e as Olimpíadas . Só que ele não imaginava que estaria dando um tiro no próprio pé”. Complementou assim: “Vai acreditar no Lula dizendo que vai ver a Copa em casa na TV. Ele tá é com medo de ser vaiado. Ele e a Dilma não podem mais sair de casa”. Pura verdade!

Diz ele que não vota mais no PT. Já votou. Não vota mais. Ele acha que o próximo presidente da república tinha que ser o ministro Joaquim Barbosa “único com coragem de enfrentar os corruptos”. O homem também disse horrores do Lewandowski e dos “amigos do STF que ficarão na defesa deste governo”.

A uma semana do evento e a cidade não entrou no clima. Nada nem de longe parecido com outras épocas em que ruas inteiras se vestiam de verde e amarelo. O que se vê são algumas solitárias bandeiras do Brasil penduradas em pouquíssimas janelas. Hoje o que temos é greve no metrô e uma turba raivosa prometendo invadir o Morumbi e bagunçar o jogo teste Brasil e Sérvia. Para você que não curte futebol vai a informação de que a Sérvia é muito melhor que o fraco Panamá e só não conseguiu se classificar para a Copa por haver ficado no terceiro lugar do Grupo A das eliminatórias europeias (logo atrás de Bélgica e Croácia, nosso primeiro adversário).

“Agora que já roubaram tudo o que era possível, não adianta mais estes protestos contra a Copa. Estes vagabundos  que estão nas ruas deviam deixar a gente trabalhar em paz.”

Outra verdade. “O que vemos são “n” grupos de oportunistas que covardemente se utilizam da situação para afundar ainda mais a imagem do país”. Nosso motorista tem justos planos de turbinar seus rendimentos na Copa com o aumento do número de corridas atendendo principalmente os turistas. Diz ele que até já aprendeu umas frases em inglês e espanhol...

Lembrei-me imediatamente do Collor e de sua famosa frase “Duela a quien duela” por ocasião de uma entrevista à TV argentina em 25 de agosto de 1992 ao afirmar sua intenção de investigar e punir os responsáveis por atos espúrios em seu governo. Vinte e dois anos se passaram e nada mudou. Collor, hoje senador pelo PTB de Alagoas continua com os mesmos hábitos e costumes de sempre. Não consegue explicar depósitos de 50 mil Reais do doleiro do PT Alberto Youssef preso pela Polícia Federal. Lula, o Messias de Caetés continua ludibriando os incautos e ignorantes com suas mirabolantes fantasias. Dilma, continua o que provavelmente sempre foi: apenas uma burocrata mal-humorada aferrada a modelos moribundos de política e gestão.

É torcer para outubro chegar logo e comemorarmos a festa de despedida da Dilma... Esta sim é a Copa dos nossos sonhos. E o Brasil nem precisa ser Hexa...

posts parecidos

Conectividade de A-Z

O CANAL PARA FALAR DA CONEXÃO HUMANA.

Aqui você tem voz. Pode contribuir, sugerir, criticar, propor temas, discutir e ampliar o escopo do Blog. Nossa conexão poderá fazer a diferença.