COPA 2014. A VEZ DE PAULO COELHO.

 "Pourquoi je n’irai pas à la Coupe du monde" (Por que eu não irei à Copa do Mundo).
Paulo Coelho  ( 165 milhões de exemplares vendidos no planeta) é o segundo brasileiro mais conhecido do mundo. Logo após Pelé. Quem nos diz é um estudo recente do respeitado MIT (Massachusetts Institute of Technology).  Ele transita com sucesso nas redes sociais sendo a segunda personalidade mundial mais influente no Twitter ( mais de 9 milhões de seguidores) e a terceira no Facebook.
Coelho acaba de lançar na França , seu último livro  « Adultério » e recebeu em seu duplex em Genève – Suíça, onde reside há 8 anos  a jornalista do periódico  « Le Journal Du Dimanche », Stéphane Joby. A entrevista foi publicada na edição de 11 de maio do jornal.
Para a entrevista completa acessse  http://www.lejdd.fr/Sport/Football/Paulo-Coehlo-Pourquoi-je-n-irai-pas-a-la-Coupe-du-monde-665698
Paulo Coelho fez parte da comitiva de Lula por ocasião do anúncio da FIFA sobre a Copa do Mundo de 2014. Mas, como se pode perceber, o frágil arcabouço ufanista-irresponsável montado pelo Messias de Caetés está implodindo com força também de fora para dentro.  
Veja alguns trechos da entrevista :
« Tanto faz se a seleção ganhe a Copa ou não. Estou convicto de que o país está à beira de uma explosão social. Haverá pessoas dentro e fora dos estádios  que aproveitarão esta enorme visibilidade momentânea do país para manifestar, em diferentes graus de indignação, sua insatisfação com o governo atual. A situação é tensa. A violência retornou com força total. A Copa do Mundo poderia ser um momento de união e confraternização nacional como o que vimos na Alemanha e França. Mas, não.  É um desatre total. O governo quer mostrar uma imagem que passa longe da realidade. E o que há é uma fratura entre governo e povo. »
 
«  Eu não irei ao Brasil na Copa. Verei os jogos na televisão aqui mesmo na Suíça. Fui convidado pelo governo a compor sua comitiva europeia quando do anúncio da Copa e ganhei ingressos para diversos jogos. Mas estou profundamente decepcionado com o rumo que as coisas tomaram. Um país carente de tudo – hospitais, escolas, transporte... poderia ter usado muito melhor o dinheiro que foi destinado à construção de estádios grandiosos. Ronaldo foi um imbecil ao dizer que não é papel da Copa do Mundo construir infraestrutura para o país. Ele faria melhor se mantivesse a boca fechada ».

Tá todo mundo pulando fora dessa canoa furada. Ninguém quer associar sua imagem à « Copa das Copas » como gosta de dizer Dilma e seus asseclas. Por essa os petistas não esperavam...

posts parecidos

Conectividade de A-Z

O CANAL PARA FALAR DA CONEXÃO HUMANA.

Aqui você tem voz. Pode contribuir, sugerir, criticar, propor temas, discutir e ampliar o escopo do Blog. Nossa conexão poderá fazer a diferença.