AINDA NÃO DÁ PARA TELETRANSPORTAR RENAN CALHEIROS PARA UMA VIAGEM SEM VOLTA.


Os fenômenos do mundo atômico sempre fascinaram os cientistas. As primeiras mentes brilhantes a intuir a existência do átomo foram os gregos Demócrito e Leucipo no século V a.C  (átomo em grego significa “indivisível”).

Desde então, investigar o âmago da matéria tem sido o desafio predileto da ciência que hoje já comprova a existência do Bóson de Higgs (para detalhes leia neste Blog “Deus, o Natal e o Bóson de Higgs).

O início destas descobertas está lá atrás em 1899 com a pesquisa publicada pelo físico alemão Max Planck (1858-1947, Nobel de Física de 1918). Planck descobriu uma constante que está relacionada aos valores da energia dos fótons e à frequência de sua radiação.

A fórmula de Planck (simples e genial como sói acontecer aos iluminados) é  E= h x v (“E” é a energia de um fóton,”h” é a constante de Planck (6,6 x 10⁻²⁷ erg.s e “v” é a frequência da radiação) .

Este foi o início da Física ou Mecânica Quântica cujo objetivo é investigar os fenômenos que ocorrem nas camadas atômicas e subatômicas (átomos, elétrons, prótons e demais partículas).

O valor da energia de um fóton é denominado “quantum” (quem primeiro utilizou esta expressão foi Albert Einstein em 1905).

Segundo Einstein a “quantização” é o fenômeno que ocorre quando um elétron passa de um nível de energia inferior para um nível superior. As coisas são tão bem boladas na natureza, que um elétron não pode simplesmente pular de um nível para outro qualquer, assim, aleatoriamente, ao receber uma dose de energia. Um elétron está “programado” para realizar seu salto energético para um determinado nível e essa quantidade de energia para que ele realize esta tarefa chama-se “quantum”.

Explico isso por que muita gente fica falando de “estado quântico”, “computador quântico” e outras expressões do gênero, mas não sabe o que significa “ quântico”.

Gilberto Gil lançou em 1997 o álbum ”Quanta” cuja música título filosofava assim:

Quanta do latim
Plural de quantum
Quando quase não há
Quantidade que se medir
Qualidade que se expressar

Fragmento infinitésimo
Quase que apenas mental
Quantum granulado no mel
Quantum ondulado do sal
Mel de urânio, sal de rádio
Qualquer coisa quase ideal


Bem, agora que conhece o significado de “quântico” é bom que saiba que os cientistas ,nesta primeira década do século 21, já conseguem fazer um teletransporte quântico a uma distância de 143 quilômetros .

Acontece outro fenômeno interessantíssimo na Física Quântica chamada de “entrelaçamento quântico”. Veja que máximo: quando duas partículas passam por um processo quântico elas assumem as características uma da outra mesmo depois de separadas e independentemente da distância!

O que os cientistas estão fazendo hoje em dia é utilizar esta propriedade para transferir informação à longa distância já que fótons são excelentes para esta tarefa. É deste modo que eles pretendem criar um “computador quântico”.

O teletransporte quântico não tem nada a ver com o teletransporte de corpos sólidos (como em Star Trek) mas, já é um começo. As próximas gerações daqui a cem, duzentos anos poderão, quem sabe, se utilizar da maravilhosa praticidade do teletransporte.
 

E daí, esperamos que o planeta já tenha sido expurgado de muitas das mazelas que o acometem neste século, como por exemplo: a ganância desenfreada como a que gerou o martírio de Santa Maria, a busca pelo poder através de todos os meios deletérios como  a que originou o “Mensalão” e a vergonhosa falta de caráter que propiciou um Renan Calheiros ser eleito presidente do senado.
 

Tenhamos todos a melhor semana que estes tempos de 2013 possam nos proporcionar.


Grande abraço.

posts parecidos

Política

Conectividade de A-Z

O CANAL PARA FALAR DA CONEXÃO HUMANA.

Aqui você tem voz. Pode contribuir, sugerir, criticar, propor temas, discutir e ampliar o escopo do Blog. Nossa conexão poderá fazer a diferença.