CONVITE PARA TESTAR UM PROJETO PILOTO


Prezados leitores,
 
Pretendo criar um Blog para apresentar formas criativas de abordar tratar temas corporativos.
A cada assunto proporei um filme que será a base da discussão.
O primeiro filme é "Caixa Dois", uma película brasileira lançada em 2007 e que apresenta de uma forma muito didática alguns dos assuntos corporativos mais visados. 
Gostaria de testar esta ideia primeiramente com você, leitor, que tem me prestigiado com sua atenção.
É claro que sua experiência só ficará completa se você assistir o filme (de qualquer modo, pode ser uma boa diversão para este fim-de-semana). Este vídeo está disponível nas locadoras.
Convido-o a enriquecer este "piloto" com sua opinião, sugestões e críticas.
Grande abraço e excelente fim-de-semana.
 
Celso T.R.Carvalho
 
 
CAIXA DOIS

Título original: Caixa Dois

Título no Brasil : Caixa Dois

Gênero : Comédia

País / Ano : Brasil / 2007

Duração : 83 min

Diretor : Bruno Barreto

Atores Principais / Personagens:

Fúlvio Stefanini / Luiz Fernando

Giovana Antonelli / Ângela

Daniel Dantas / Roberto

Cássio Gabus Mendes /  Romeiro

Zezé Polessa / Dona Lina (Angelina)

Estúdios: Globo Filmes / Miravista

Distribuidora : Buena Vista International     

Sinopse

Dr. Luiz Fernando presidente do Banco Federal (interpretado por Fúlvio Stefanini)  ao mesmo tempo que vende uma imagem de correção e honestidade, fruto de sua origem humilde, articula nos bastidores todo tipo de  falcatrua para apropriação de dinheiro ilícito. Apesar de muito lucrativo, o banco prepara a demissão de 600 funcionários dentre os quais Roberto (interpretado por Daniel Dantas), um gerente dedicado e fiel à instituição. Numa dessas operações financeiras escusas Luiz Fernando e seu assessor Romeiro (Cássio Gabus Mendes) são forçados pelas circunstâncias a usar a secretária executiva Ângela (Giovana Antonelli) como “laranja”. Mas, a semelhança de nomes e números de conta faz com que o dinheiro seja depositado na conta errada, simplesmente a conta da esposa de Roberto.

Temas abordados no filme:

·         Saudação ao telefone

·         Comunicação com  clientes / funcionários

·         Desperdícios (combate a)

·         Assédio Sexual

·         Suborno

·         Ética

Cena 1 - Saudação ao telefone e Comunicação com clientes /funcionários. Combate a desperdício.

Minutagem :
  Cap 2 - 0:12:05 (Roberto entrando no Banco) 
Cap 2 - 0:14:03  “Uma das que mais respeita e valoriza seus funcionários”

Vemos aqui um gerente que valoriza pessoas e é comprometido com a empresa. Ao entrar no Banco cumprimenta pelo nome o vigilante “Bom dia, Walter”. A cena é especialmente ilustrativa ao enfatizar a forma correta como os funcionários saúdam o cliente ao telefone:
 
“Banco Federal, Janice, Bom dia!” ;
”Banco Federal, Camila, em que posso ajudar?” ;
“Banco Federal, Marcelo, tenha um bom dia!”.
 
Nem sempre este primeiro contato é bem utilizado pelos atendentes das empresas. É comum ouvirmos ao telefone saudações tão rápidas e mal-articuladas que não entendemos direito nem o nome da empresa nem o da pessoa que nos saúda.
 
Aqui você verá diversos funcionários do Banco Federal saudando clientes ao telefone com clareza, entonação correta  e simpatia. Perceberá também como o gerente Roberto além de cumprimentar seus funcionários com alegria e consideração, dá exemplo de como se pode combater desperdícios com criatividade.
 
Ao final desta sequência, Roberto defende a instituição com muita propriedade ao ser indagado sobre os boatos de demissão passando confiança e tranquilidade..

Temas que podem ser objetos de discussão e trabalho:

1. Você já telefonou para sua própria empresa e sentiu como os clientes são tratados? Este é um ótimo exercício para aferir a qualidade da comunicação ao telefone. Compare o exemplo mostrado nesta cena com o que ocorre em sua empresa. Discuta sobre a necessidade de ter um padrão de qualidade na comunicação ao telefone.

2. Como é, em sua empresa, a forma como as pessoas se saúdam? Você certamente conhece pessoas que chegam à empresa de manhã e não saúdam ninguém. Isto é tanto mais notado quanto mais alto é o degrau que a pessoa ocupa na hierarquia formal. Discuta como esse comportamento pode indicar problemas de comunicação e como pode afetar o clima organizacional.

3. Comente a atitude orientada para a eliminação de desperdícios demonstrada pelo gerente.

4. Comente a forma de comunicação usada pelo gerente quando questionado sobre os boatos de demissão em massa.

Cena 2 - Assédio Sexual
Minutagem: 
 Cap 2 - 0:14:27  (Secretária e segurança na porta) 
 Cap 2 - 0:15:57   (Secretária sorri)

O banqueiro Luiz Fernando chega ao trabalho de helicóptero. Ângela, sua secretária ,o aguarda no heliporto. Luiz Fernando parece já ter feito diversas investidas na secretária. A mais recente é “Você sabe, quando a porta do helicóptero abriu e eu te vi, eu juro por tudo o quanto é sagrado que eu pensei: o helicóptero caiu, eu morri e estou chegando ao paraíso”.
 Ângela responde: “Muito gentil, Dr. Luiz Fernando”. Você prefere despachar agora ou quer esperar?” (O tratamento “você”, neste caso, constitui um indício de que existe intimidade entre ambos) . O banqueiro continua: “Se eu morri e estou no céu, vamos aproveitar a presença dos anjos”. Na sequência, o banqueiro acaricia o joelho da secretária e ela deixa escapar “um jantar bacana”. É que ela estava pensando “isto devia valer um jantar” e o pensamento saiu em voz alta.
 
Para tentar consertar, ela sugere que Luiz Fernando faça um jantar de lançamento para o CRED-FED - uma linha de crédito para aposentados. O banqueiro elogia a ideia dizendo “Você me surpreende a cada segundo. Você tem uma cabecinha de ouro e que talento, papagaio!”. Ângela sorri.

Temas que podem ser objetos de discussão e trabalho:

 1. Na convivência entre homens e mulheres no trabalho  podem ocorrer situações inesperadas e às vezes constrangedoras . Como sua empresa lida com isto? O que constitui “assédio sexual” para sua empresa? Discuta todos os aspectos mostrados na cena e proponha formas de tratar o problema.

2. Hoje em dia, com a evolução dos costumes, é comum termos situações de namoro e até casamento entre colegas de trabalho. Como sua empresa lida com isto?

3. Na cultura corporativa há regras que não são “escritas”. Uma delas se refere à forma de vestir, que obviamente varia de empresa a empresa e está de certa forma ligada ao ramo em que ela atua. Neste caso temos um banco e uma secretária do presidente. Discuta sobre a forma de vestir de Ângela. Está adequada? Como tratar desta questão no âmbito corporativo?

Cena 3 - Tentativa de suborno.
Minutagem:
  Cap 3 - 0:20:48 “Dá licença, Dona Lina?”
  Cap 3 - 0:22:51 ( Pai do Lucinho apanha o dinheiro e sai)

Este filme mostra várias formas de comportamentos antiéticos entre pessoas de diferentes classes sociais. Escolhemos esta cena que retrata a tentativa de suborno de uma professora feita pelo pai de um aluno. A professora é a esposa de Roberto, Dona Lina. Ao final de uma aula, o pai  do “Lucinho” entra na sala e põe em cima da mesa da professora um maço de dinheiro alegando que é “uma singela colaboração de alguém que compreende que os professores recebem um salário ridículo”.
 
Dona Lina trata do caso com muita categoria. “Digamos que eu aceitasse. O que o senhor acha de seu filho ser educado por uma pessoa corrupta?”. O pai responde que não se importa com isso. A professora o deixa sem saída com esta proposta: “ Eu chamo seu filho e conversamos com ele: seu pai lhe acha tão burro, mas tão burro, que o único jeito que ele encontrou de você melhorar suas notas foi dando um dinheiro para mim.Você concorda com o seu pai?”
 
O pai do aluno  pega o dinheiro e se retira.

Temas que podem ser objetos de discussão e trabalho:

1. É cada vez mais comum as empresas formalizarem um “Código de Ética” e divulgá-lo entre seus funcionários. Como sua empresa trata dos casos que infringem este código?

2. Como você, cidadão, se coloca, eticamente, frente a situações do dia-a-dia? Ética é algo negociável? É algo que se pode relativizar? Discuta.

 

posts parecidos

Destaques

Conectividade de A-Z

O CANAL PARA FALAR DA CONEXÃO HUMANA.

Aqui você tem voz. Pode contribuir, sugerir, criticar, propor temas, discutir e ampliar o escopo do Blog. Nossa conexão poderá fazer a diferença.